Integrantes do Esporte Clube Internacional, de Pedras Brancas- Boqueirão do Leão, estão revoltados com a atitude da Administração Municipal. Com um forte vendaval que ocorreu no dia 10 de novembro do ano passado, a copa da praça de esportes do Clube, foi totalmente destruída, assim como o telhado da cabana e a casa de narração dos jogos da rádio, que fica em cima dos vestiários.
O vereador Jocemar Barbon - PMDB chegou a fazer um Pedido de Providência, solicitando auxílio financeiro para fazer reparos nos estragos e usando o espaço da tribuna livre, argumentou que se não fosse possível, pelo menos que ajudassem na mão de obra, pois é uma época muito difícil, porque os colonos estão no forte da colheita do fumo.
O presidente do Clube, Mileno Crestani, chegou a conversar por duas vezes pessoalmente com o vice-prefeito, Ademir Dalbosco, que na oportunidade disse que iria mandar um pessoal para ajudar a comunidade, mas não cumpriu com a promessa. 
No domingo (26), teve rodada no campo do Internacional e membros da Amebol, o vereador Jocemar e demais lideranças do esporte, tiveram que improvisar um espaço abaixo de chuva com motosserra para a transmissão do jogo pela 105,9 e limpar o local destruído pelo temporal.
Segundo o presidente, quando passar a época de colheita, as pessoas irão fazer um mutirão e reerguer a sede novamente, sem contar com a ajuda da Prefeitura.
Hummmm! É uma pena que as pessoas têm que mostrar sua revolta publicamente, Sr. Ademir Dalbosco, os desportistas ficaram esperando a ajuda que prometeu ao próprio presidente, custava destinar dois funcionários da Secretaria de Obras para dar uma mãozinha para o pessoal? Que feio!!!

Edição Impressa

Edições Anteriores

Mais Notícias

Conectado

COLUNISTAS

|  Todos os direitos reservados Desenvolvido por OdNet Marketing & Web