Iniciou o ano letivo e parece que a história com o transporte escolar de Boqueirão do Leão vai se repetir ao ano passado.

Fui até o Passo de Pedras Brancas, conversei com a mãe de uma aluna de 11 anos, Marinês Fontana, que reclama do transporte escolar.

Ela relata que no passado foi a mesma história, o transporte não era regular, muitas vezes as crianças tinham que ir até a estrada geral para pegar a condução. Por várias vezes tentou entrar em contato com a secretária de Educação Ângela Stela Schmidt e não teve sucesso.

Neste ano, parece se repetir o problema, segunda-feira (24) teve o transporte, já na terça-feira (25) não e quarta pela manhã foi. 

É uma incerteza todos os dias, pois precisam ligar para o motorista para ver se ele vai, caso contrário, os pais devem deslocar seus filhos até a venda do Zé da Silva e buscar à tarde novamente. 

Segundo Marinês, já tentou entrar em contato com a secretária de Educação, mas parece não ser bem recebida, pois a informação que obteve foi que a mesma está sempre de reunião e que não trabalha 24 horas para atender a população.

Ai...ai...ai...não posso acreditar que esse tipo de informação é dada na própria Secretaria de Educação...bem que a secretária, se tem o conhecimento da situação, poderia retornar a ligação, a mãe só quer conversar e expor o problema que estão enfrentando.

E problema com o transporte escolar já está mais do que na hora de ser resolvido, ou melhor, não pode ser um problema para uma Administração que tem como prioridade a Educação.

Edição Impressa

Edições Anteriores

Mais Notícias

Conectado

COLUNISTAS

|  Todos os direitos reservados Desenvolvido por OdNet Marketing & Web