Cicatrização

A vitamina C das frutas cítricas tem a finalidade de estimular a produção de colágeno Sempre que ocorre uma lesão na pele, seja escoriação, corte ou uma queimadura, o organismo trabalha para recuperar o tecido lesionado.

 E se essa agressão não apresenta boa recuperação, as chances de desenvolver cicatriz aumentam. 

Mas você sabia que alguns alimentos  também pode acelerar o processo de cicatrização e reconstruir outra pele rapidamente? 

Alimentos ricos em vitaminas, proteínas, aminoácidos, ferro e zinco, consumidos adequadamente, trabalham em conjunto para a multiplicação das células que são responsáveis por reconstruir o tecido lesionado. 

Dessa maneira, o processo de cicatrização é mais rápido e saudável.

 Durante o processo de cicatrização, existem três fases que o organismo exige de nutrientes específicos para se reconstruir. A fase inflamatória, a de proliferação e a última fase que é a  de remodelação .

Apesar de a alimentação balanceada ser uma forte aliada ao processo de cicatrização, é preciso ficar atento para os alimentos que devem ser evitados.  

Café, refrigerante e bebidas alcoólicas devem ser excluídos do cardápio. 

Esses alimentos dificultam a chegada dos nutrientes até o ferimento.

Já alguns alimentos podem ajudar na cicatrização da pele:

Linhaça, sardinha e semente de chia são ricos em ômega-3 e devem ser consumidos para curar a cicatriz. 

O ômega-3 é uma gordura que o organismo não consegue fabricar e, por isso, deve ser ingerido diariamente.

A vitamina C das frutas cítricas tem a finalidade de estimular a produção de colágeno, proteína que forma e dá firmeza à pele. 

Por esse motivo, devem ser ingeridas durante as refeições ou como lanche da tarde. 

Abuse de frutas como morango, abacaxi, goiaba, melão e kiwi.

Em relação às vitaminas A e K, indica-se:

A: fígado, gema de ovo, folhas verdes como brócolis e espinafre, cenoura

K: fígado, óleos vegetais, vegetais de folha verde escuro como couve e espinafre Frutas vermelhas são compostas de flavonoides, que tem a capacidade de proteger as paredes dos vasos sanguíneos e combater o processo inflamatório.

Já  o Brócolis, repolho, couve-flor, ricos em antioxidantes são compostos de enxofrados bioativos que auxiliam na desintoxicação do fígado. 

Eles são indicados para as pessoas que receberam anestesia ou estão ingerindo medicamento para tratar inflamações e infecções.

Para ter fontes de zinco, aposte em carne vermelha, peixes, aves, fígado, leite e derivados, cereais integrais

 

 Fonte:http://zerohora.clicrbs.com.br

Edição Impressa

Edições Anteriores

Mais Notícias

Conectado

COLUNISTAS

|  Todos os direitos reservados Desenvolvido por OdNet Marketing & Web