Cálcio

O cálcio tem como função principal fortificar os ossos e combater a osteoporose.

Porém agrega outros vários papeis como na musculatura, coagulação, na transmissão de impulsos nervosos e ainda no controle da pressão e na prevenção da pré-eclampsia.

Apenas 10% da população brasileira ingere a quantidade diária de cálcio recomendada.

 Essa quantidade ideal é de 1000mg por dia, o equivalente a três copos de leite integral mais uma porção de queijo amarelo. 

Ter um consumo abaixo desse valor pode desencadear doenças como osteoporose e hipertensão, além de facilitar fraturas ósseas por quedas. 

É importante lembrar que o consumo de  suplementos alimentares deve ser sempre indicado por um médico, que irá avaliar as condições de saúde do paciente e entender se a suplementação é mesmo a melhor solução.

 Para aqueles que ainda não sofrem com doenças que necessitam dos suplementos de cálcio e querem se prevenir, o ideal é consumir os alimentos ricos nesse nutriente (como leite e derivados, soja, linhaça, quinua e vegetais verde escuros) e manter hábitos que influenciam a absorção de cálcio pelo organismo entre eles:

Pratique exercícios  quanto mais deformamos, ou seja, movimentamos o nosso osso, maior é a ativação dos osteoblastos, que são as células produtoras do osso. 

O exercício de impacto submete o osso às forças dos músculos, favorecendo essa formação.

A exposição ao sol ativa a vitamina D que está em nosso organismo, estimulando a absorção intestinal de cálcio. Dez a quinze minutos diários de exposição ao sol nos braços e pernas, antes das 10h ou após as 16h, é uma boa forma de se obter Vitamina D

Ingerir alimentos ricos em magnésio e fosforo  é essencial para a absorção de cálcio e fortalecimento dos ossos

Evite o excesso de proteínas: as proteínas de origem animal  aumentam a perda de cálcio do osso pela urina quando consumidas em excesso

Cuidado com o sódio: O sal, quando consumido em excesso, aumenta a excreção de cálcio na urina

Um estudo publicado na revista American Journal of Clinical Nutrition indica que pessoas que bebem refrigerantes à base de cola tendem a expelir o cálcio pela urina em maior quantidade

O álcool em excesso aumenta a excreção urinária de cálcio, magnésio e zinco que são agentes importantes da matriz óssea.

 Além disso, alcoólatras crônicos têm dificuldades para ativar a vitamina D presente no organismo

 

http://www.minhavida.com.br

Edição Impressa

Edições Anteriores

Mais Notícias

Conectado

COLUNISTAS

|  Todos os direitos reservados Desenvolvido por OdNet Marketing & Web