Perigoso Sal

Além da pressão, o sal em excesso pode ainda contribuir com ganho de peso, pedras nos rins e até câncer. Porém não devemos só abolir o saleiro, devemos também cuidar os alimentos industrializados que consumimos.  O sódio, mineral que é o principal componente do sal de cozinha, é um componente que aparece em muitos alimentos que consumimos. Por isso, várias empresas alimentícias, vêm buscando formas de diminuir o uso deste na produção de alimentos, deixando assim seus produtos mais saudáveis.
O sódio em demasia, além de ser um dos principais fatores por trás da pressão alta, pode também causar  pedras nos rins, osteoporose, ganhos de peso, inchaços                  (causados pelo desequilíbrio  da ingestão em excesso de sódio. Este  desequilíbrio eleva  a concentração de água dentro e fora dos vaso e por isso menos líquido é escoado pelas vias excretoras o que gera inchaço). Além disso, regiões que ficam com a circulação comprometida, tem grandes  chances de desenvolverem celulite. 
Existem estudos também  relacionando o consumo exacerbado de sal e o aparecimento de tumores principalmente no que diz respeito ao sistema digestivo.  Investigação realizada pela Universidade do Porto , Portugal, revelou que pacientes com câncer de estômago consumiam quantidades superiores de sal do que pessoas livres da doença.
A seguir algumas dicas para baixar o consumo deste vilão:
- Quando for realizar um churrasco, ao invés de pesar o sal, invista em um molho feito de vinho, vinagre, alho, cebola e ervas e deixe a carne de imersa até que o tempero seja absorvido;
- Procure trocar o suco em pó pelos de frutas naturais; o bolo e a sopa de pacote pelas versões caseiras;
- Troque o tempero do macarrão instantâneo por um refogado de alho, cebola e orégano;
-  Já nas massas tradicionais, procure trocar o extrato de tomate por molhos feito em casa;
- No caso de uma visita a um restaurante japonês, use a versão light do molho de soja. E, ao submergir o alimento, evite mergulhá-lo por inteiro.
- Se você gosta de carregar sua comida com sal e acha difícil ficar sem ele, procure ir reduzindo-o gradualmente de suas refeições.
- Evite levar o saleiro para a mesa para não cair na tentação de colocar "só mais uma pitadinha"
Lembre-se sua saúde em primeiro lugar
Fonte : www.revistasaude.com.br

Edição Impressa

Edições Anteriores

Mais Notícias

Conectado

COLUNISTAS

|  Todos os direitos reservados Desenvolvido por OdNet Marketing & Web